Início TotalEnergies, multinacional do petróleo presente em 130 países, comprará 25% da Adani New Industries da Índia em impulso verde: investimentos sustentáveis farão parte de sua aposta para os próximos anos

TotalEnergies, multinacional do petróleo presente em 130 países, comprará 25% da Adani New Industries da Índia em impulso verde: investimentos sustentáveis farão parte de sua aposta para os próximos anos

junho 14, 2022 às 6:56 am
Compartilhe
Siga-nos no Google News
TotalEnergies, multinacional do petróleo presente em 130 países, comprará 25% da Adani New Industries da Índia em impulso verde: investimentos sustentáveis farão parte de sua aposta para os próximos anos - Canva
Novos investimentos no setor energético – Canva

Apesar da decisão da petrolífera TotalEnergies (TTEF.PA) em tornar o meio ambiente mais sustentável, a escolha somente foi anunciada para o público depois que a instituição começou a ser criticada pela forte emissão de gases críticos para o meio ambiente. O novo investimento verde tem como intuito fazer o uso do hidrogênio, um dos elétrons mais baratos do mundo para a matriz energética. 

A TotalEnergies (TTEF.PA), multinacional do petróleo que está presente em mais de 130 países, afirmou durante esta semana que pertence a começar a expandir a sua carteira de investimentos de modo a atrair mais sustentabilidade para a marca. A multinacional se tornou líder no setor petroquímico e pretende investir na compra de mais de 25% da  Adani Enterprises Ltd (ADEL.NS) de modo a criar um ecossistema complexo de hidrogênio verde para automatizar os processos na indústria. O anúncio aconteceu nesta terça-feira, 14 de junho.

É válido salientar que a Índia é um dos maiores consumidores de petróleo do mundo e, devido a isso, o país criou a meta de reduzir as suas emissões de CO2 em até 5 milhões de toneladas até o ano de 2030, que é quando o Brasil tem a sua meta para a redução do mesmo componente. Consoante o presidente indiano, o país também pretende se tornar zero na emissão do carbono até o ano de 2070, e, para tal, deverá contar com investimentos de empresas do exterior para expansão do portfólio e matriz energética. 

Leia mais sobre crise hídrica e energia no Brasil:

Mais de US$ 50 bilhões em investimentos da TotalEnergies ao longo de uma década para a produção de hidrogênio verde 

Empresas como a  Reliance Industries (RELI.NS), Indian Oil Corp (IOC.NS) e Adani Group se comprometeram para reduzir dentro de oito anos a emissão de dióxido de carbono. E, enquanto isso, a ANIL mostrou interesse em investir mais de US$ 50 bilhões na produção de hidrogênio verde até o final desta década, mais de um milhão de toneladas, conforme a instituição, deverão ser desenvolvidos. 

O hidrogênio verde é uma fonte energética renovável e, atualmente, uma das mais sustentáveis já existentes. Entretanto, é importante salientar que o valor de investimento a ser aplicado não é um dos menores. Empresas voltadas para a construção de carros, também interessadas na redução de emissões, afirmam que deverão investir nesta nova modalidade de energia verde. 

Vale salientar, além disso, que a parceria do TotalEnergies com o Adani Group já é longa e, há muitos anos, o Adani fornece energia para o TotalEnergies na Índia. Apesar de o argumento da petrolífera de estar interessada em expandir o seu portfólio, a decisão aconteceu depois que começaram a receber fortes críticas de ativistas nas redes sociais sobre a alta quantidade de carbono que estava sendo disposta no meio ambiente sem eles estarem preocupados com a situação. A empresa, entretanto, tenta mostrar o seu lado “bom”. 

Relacionados
Mais recentes