Início Toyota fecha acordo com empresa de baterias e-Zinc para testar parque de energia eólica no Texas: duração das baterias vai ser 10 vezes maior

Toyota fecha acordo com empresa de baterias e-Zinc para testar parque de energia eólica no Texas: duração das baterias vai ser 10 vezes maior

junho 2, 2022 às 9:01 am
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Toyota fecha acordo com empresa de baterias e-Zinc para testar parque de energia eólica no Texas: duração das baterias vai ser 10 vezes maior - Pixabay
Toyota fecha acordo com empresa de baterias e-Zinc para testar parque de energia eólica no Texas: duração das baterias vai ser 10 vezes maior – Pixabay

A empresa e-Zinc fechou um projeto com a marca Toyota a fim de realizar o armazenamento de energia eólica em um parque presente no Texas. O intuito é que esta energia seja utilizada pelas baterias da instituição. O projeto se mostrou promissor e foi compartilhado por ambas as empresas. 

A  e-Zinc, que é uma empresa responsável  pela realização de produção de baterias para automóveis, instituições e residências, fechou um acordo com a Toyota para a construção de um parque eólico de energia no Texas. O intuito será usar a energia produzida pelo parque para os processos de criação de baterias. 

 A energia eólica é renovável e não conta com nenhum rejeito no meio ambiente. A sua desvantagem é para os animais que vivem no local, que podem enfrentar o aparecimento de poluição sonora. 

Outras notícias:

Mas, porque a Toyota iria fazer uma parceria com a  e-Zinc no Texas para a produção de energia? 

Segundo o que foi afirmado pelo CEO da e-Zinc , é estimado que a  empresa produza baterias que poderão ter uma durabilidade de 10 vezes mais do que as concorrentes do mercado, apenas fazendo o uso da energia eólica. De acordo com o que foi afirmado pela instituição, o intuito é fazer com que as suas baterias tenham a duração de ao menos 24 horas ligadas direto, sem que precisem ser recarregadas. 

O projeto ainda está no papel e deverá ser lançado somente no ano de 2023, estima-se que aconteça no primeiro semestre. A empresa do Texas, Eurus Energy America Corporation (EEAC) em Borden County, deverá participar e já afirmou que fará parte deste estudo para propor mais inovação para aos carros elétricos que serão produzidos pela marca Toyota. A EEAC já conta com mais de 560 MW  de ativos quando se fala de geração de energia eólica. É referência no assunto. 

 O excesso de capacidade eólica, segundo o informado, deverá ser armazenado nos sistemas de bateria. Vale salientar que as baterias também poderão ser utilizadas, posteriormente, para que haja  alimentação de  edifícios da região em caso de déficit energético. 

O projeto piloto já contou, inicialmente,  com o seu investimento de ao menos US$ 25 milhões, ou seja, mais do que R$ 100 milhões em conversão direta para o real brasileiro. 

Outro projeto que está sendo realizado pela E-Zinc que merece destaque, é sobre a sua parceria com a Comissão de Energia da Califórnia. Neste caso, as baterias que são criadas pela instituição contam com a duração de 48 horas de durabilidade. 

Como vai funcionar? 

A tecnologia que será utilizada na bateria deverá fazer o uso de zinco metálico para que ele seja um dos portadores de energia. O zinco, nos Estados Unidos, é um material de baixo custo e permite que a sua capacidade de armazenamento esteja localizada dentro da  célula eletroquímica dos eletrodos. Ao final, todo o esquema irá contar com uma operação mais simplificada. 

“Este projeto prepara o terreno para a TTCI apoiar o e-Zinc com recursos de fabricação e cadeia de suprimentos”, afirmou o CEO. 

Relacionados
Mais recentes