Início Energia vai ficar mais cara em junho? Veja qual é a bandeira imposta pela ANEEL

Energia vai ficar mais cara em junho? Veja qual é a bandeira imposta pela ANEEL

junho 6, 2022 às 9:24 am
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Energia vai ficar mais cara em junho? Veja qual é a bandeira imposta pela ANEEL - Canva
Energia vai ficar mais cara em junho? Veja qual é a bandeira imposta pela ANEEL – Canva

O sistema de cobrança através de bandeiras tarifárias de energia foi criado durante o ano de 2015 conforme acompanhamento do mercado de produção energética das instituições brasileiras. 

Durante o dia 27 de maio, sexta-feira, a  Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) afirmou que estaria realizando a mudança da bandeira de energia elétrica para verde, como uma forma de auxiliar a população a economizar na conta de luz. O desconto de transmissão de energia está previsto para cobrir todo o território brasileiro e essa foi uma boa notícia depois de alguns meses cobrado a tarifa de escassez, que tem multas mais caras que a tarifa de nível dois vermelha. No Brasil, a bandeira verde indica que existem condições favoráveis para a produção de energia elétrica. 

A Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética (CREG) havia imposto a bandeira de escassez, por causa da crise energética que o Brasil estava vivendo durante o segundo semestre de 2021, desde o dia 01 de setembro. No entanto, neste tempo, as pessoas de classes mais baixas tiveram a alternativa de optar pela Tarifa Social de Energia Elétrica. Para isso, era necessário que se estivesse inscrito no programa do Cadastro Único, que também é destinado para os brasileiros que são beneficiados pelo valor do Auxílio Brasil. Além disso, os consumidores que gastavam menos do que o mês anterior também tinham direito, como recompensa, o desconto da conta de energia elétrica. 

Leia mais sobre crise hídrica e energia no Brasil:

Bandeira verde proporciona descontos de 20% na conta de luz

Bandeira verde entra em vigor em abril, e conta de luz pode cair até 20% | CNN MONEY

Bandeiras de energia elétrica e suas respectivas cobranças em 2022 pela Aneel

O que isso tudo quer dizer? Que o valor cobrado pela energia elétrica está previsto para ficar mais em conta durante o mês de junho de 2022. A mudança da tarifa de escassez para a verde teria acontecido após a realização de uma Consulta Pública nº 012/2022 que esteve aberta até a primeira semana do mês de maio. 

O sistema de bandeiras tarifárias foi criado pela Aneel durante o ano de 2015 visando permitir que os cidadãos paguem o valor de energia tendo em vista a dificuldade de produção energética e consumo nacional. Por serem pagos a cada mês, é importante salientar que o consumidor não sofre com os impactos da Selic e suas variações, que já estão em dois dígitos.  Com a  tarifa verde neste mês de junho, é estimado que a economia gerada em todo o país chegue a mais de R$ 4 bilhões.   Além disso, agora, o consumidor conseguirá se programar para contar com um custo que seja mais consciente sobre a conta de luz.

Uma forma de realizar uma redução do preço cobrado pela energia elétrica vem sendo o uso de energia solar ou de outras fontes renováveis, que não liberam rejeitos na natureza.  Mas, pela renda dos brasileiros, estas alternativas podem ser, em grande parte, inviáveis. 

Relacionados
Mais recentes