Tuesday, 21 de September de 2021

Energia solar infinita e no espaço pode se tornar realidade e revolucionar o mercado de energia renovável

Energia solar - energia renovável - mercado - energia solar infinita - espaço

Pesquisadores da Califórnia recebem um investimento de US$ 100 milhões para estudarem e avançarem na possibilidade de lançar um equipamento que gera energia solar na órbita da Terra, revolucionando o mercado de energia renovável

O Instituto de Tecnologia da Califórnia anunciou que recebeu um investimento de US$ 100 milhões para continuar as pesquisas do Projeto de Energia Solar com Base no Espaço (SSPP), um equipamento que leva a função de gerar energia elétrica por meio da captação da energia solar com transmissão direta ao planeta e promete inovar no mercado de energia renovável.

Leia também

Mercado terá uma fonte de energia solar infinita?

O projeto é inovador e será instalado na órbita da Terra, captando a luz por meio de painéis de energia solar e direcionando a energia à Terra de modo que isso ocorra sem nenhuma interrupção, tendo em vista que não sofrerá nenhuma mudança causada pelo movimento de rotação do planeta ou pelas mudanças climáticas. Sendo assim, o projeto prodígio do mercado de energia renovável promete gerar um fluxo “infinito” de energia solar.

Por enquanto, ainda não há muitas informações sobre o projeto de energia solar e nem a potência que ele gerará, mas um projeto semelhante está sendo desenvolvido pelo Pentágono e até o momento foi possível obter apenas 10W, número que apesar de parecer pequeno, deverá aumentar rapidamente com o avanço das pesquisas.

Pesquisador do SSPP se pronuncia

A geração de energia solar e a transmissão no vácuo são problemas que tem gerado dor de cabeça aos engenheiros do projeto, que durante a primeira fase devem se concentrar em testes das placas da energia renovável ainda em solo. O primeiro protótipo terá o tamanho de 60 cm², mas seu modelo final terá uma área ainda maior para que obtenha um melhor desempenho.

De acordo com Harry A. Atwater, pesquisador do SSPP, a energia solar é a fonte de energia renovável mais abundante do mundo. Entretanto, a luz solar é interrompida em alguns horários e períodos do ano na superfície terrestre. Sendo assim, o projeto pretende atuar com uma abordagem inovadora para o mercado de energia renovável, que supera essa interrupção e a necessidade de armazenamento de energia com a luz do sol que brilha de forma contínua no espaço.

De acordo com a equipe de pesquisadores, essa tecnologia, caso seja aplicada no mercado, poderá atender o crescimento da demanda da fonte no mundo por ser uma fonte sustentável e capaz de produzir energia infinita a partir da luz solar.

Projetos que mudarão o mercado de energia renovável

A NASA realizará uma missão para demonstrar sua vela de energia solar no próximo ano. O equipamento deverá ser utilizado como um tipo de propulsor para viagens de sondas espaciais.

O projeto utilizará um sistema de hastes telescópicas, que podem se esticar para que a vela seja aberta. A vela de energia solar, poderá impulsionar as naves da NASA, aproveitando a pressão de radiação da luz solar ou de um laser projetado à distância.

Sendo assim, a NASA não utilizará mais combustíveis químicos para impulsionar os foguetes convencionais. A estimativa da NASA é mandar sondas ao espaço, onde a tecnologia será utilizada para velas de energia solar de até 500 m².



Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.