Início Oliveira Energia faz solicitação à ANEEL para instalação de usina de energia solar

Oliveira Energia faz solicitação à ANEEL para instalação de usina de energia solar

novembro 30, 2021 às 11:19 pm
Compartilhe
Siga-nos no Google News
A Oliveira Energia pretende diversificar parte de sua matriz energética e faz solicitação à ANEEL para instalar uma usina de energia solar
A Oliveira Energia pretende diversificar parte de sua matriz energética e faz solicitação à ANEEL para instalar uma usina de energia solar. Fonte: Divulgação

A Oliveira Energia pretende diversificar parte de sua matriz energética e faz solicitação à ANEEL para instalar uma usina de energia solar

A transição energética está cada vez mais presente nas grandes companhias do Brasil e foi a vez da Oliveira Energia entrar nesse segmento. A empresa anunciou nesta última sexta-feira, (26/11), uma solicitação feita à ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) para a instalação de uma usina de energia solar, com o intuito de diversificar ainda mais a sua matriz energética. 

Veja também:

Oliveira Energia pretende construir usina de energia solar para diversificar matriz energética 

A Oliveira Energia é uma gigante no ramo energético e já conta com 42 usinas termelétricas no estado do Amazonas, mas agora pretende diversificar a sua matriz energética e quer instalar uma usina de energia solar para a produção híbrida desse recurso. O pedido foi feito à ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) e a empresa aguarda a aprovação para seguir com o projeto dos painéis fotovoltaicos. 

Heitor Gomes Cândido, diretor técnico interino da Oliveira Energia, comentou acerca da iniciativa e da importância desse tipo de projeto para um futuro mais renovável e com uma matriz energética mais diversificada em todo o Brasil. O executivo ainda destacou que “O projeto ainda está engatinhando. Mas o que nos atrai a concretizá-lo são os benefícios ambientais que ele traz e também a confiabilidade do sistema de geração solar fotovoltaico”.

O projeto da Oliveira Energia não é de substituir 100% da sua matriz energética pela energia solar, mas começar aos poucos com uma produção híbrida de cerca de 50% a 50% e, com o decorrer dos anos, ir desenvolvendo ainda mais a geração de energia renovável para contribuir na luta por um futuro mais sustentável e com uma redução maior dos impactos ambientais causados pela produção não renovável desse recurso. 

Projeto para a construção de usina de energia solar é a nova aposta da Oliveira Energia em relação à sua matriz energética

A empresa Oliveira Energia já conta com uma grande presença no norte do país com a geração de energia a partir das suas usinas termelétricas, mas quer abraçar a causa ambiental e contribuir para uma iniciativa mais sustentável em relação à produção de energia. Assim, ela vê o projeto de instalação de uma usina de energia solar e a geração híbrida desse recurso como a porta de entrada para o segmento da energia renovável no mercado brasileiro. 

O diretor técnico interino da Oliveira Energia, Cândido, comentou também acerca da decisão de qual solução irá atender às necessidades de localização do projeto, afirmando que “A planta da usina da cidade de Maués, hoje, é de 21 MW. Em uma conversa inicial, nós pensamos em instalar ali, se for possível, 10 MW de energia solar. Para isso precisaríamos, pelas nossas contas, de cerca de 28 mil painéis solares instalados”.

Ainda segundo Cândido, a iniciativa da empresa vem em encontro com o futuro cada vez mais sustentável que é previsto para o mercado brasileiro e o executivo ainda destacou que “A energia solar é a opção mais confiável e fácil em relação a logística do interior do Amazonas, onde estão nossas usinas. Aqui no estado, os ventos não são atrativos para apostarmos na energia eólica e nossa topografia é muito plana para hidrelétricas. Portanto, a energia fotovoltaica é a nossa solução”.

Relacionados
Mais recentes