Início Uso da energia solar cresce e famílias tem conta de energia reduzida em até 90%

Uso da energia solar cresce e famílias tem conta de energia reduzida em até 90%

agosto 9, 2022 às 9:36 am
Compartilhe
Siga-nos no Google News
conta de energia reduzida
Conta de energia reduzida (Reprodução: divulgação)

Conta de energia reduzida: O uso de energia solar só faz crescer em todo o Brasil. No Estado do Espírito Santo, 4.565 famílias usavam a geração de eletricidade através da radiação solar, isso a um ano atrás. Atualmente, o número dobrou: mais de 12.250 residências estão conectadas à EDP, e geram eletricidade a partir da fonte alternativa.

Dessa forma, podemos dizer que a energia solar é um excelente arma para as finanças, pois conta de energia reduzida em até 90% das contas de energia. Nesse sentido, esse é o caso da advogada Karyna Araújo, 33 anos.  Ela e a família utilizam 24 placas solares para abastecer sua residência. Durante o dia, ela utiliza energia gerada na hora. Sobre a situação, ela afirma que o que sobra vai para a EDP, que armazena a entrega de energia durante a noite.

Sendo assim, ela informou que o financiamento para instalação das placas solares foi de R$50 mil, entretanto, é previsto que em no máximo 4 anos o financiamento seja quitado, pois o investimento permitiu que a família pague apenas a taxa mínima de energia.

Segundo Karyna, a prestação do financiamento para as instalações, somados à conta de energia que a família paga atualmente, tem um valor mais baixo do que a conta de energia paga anteriormente. Portanto, ela afirma que sente a economia nas contas desde o primeiro mês.

Energia solar proporciona grande economia para as famílias

Rafael Castro, especialista em energia e diretor de Expansão na Aruna Energia Solar, afirma que o investimento na geração a partir da luz solar está valendo muito a pena. Segundo ele, houve um processo de evolução no setor, conta de energia reduzida, que vem acontecendo desde 2012, com uma regulamentação específica, e somado à aceleração do segmento, em 2017.

Ele acredita que, devido a demanda mundial, os custos estão se reduzindo. Portanto, desde 2019 estamos num patamar ideal, enquanto atualmente estamos com uma cadeira bem estabelecida. Sendo assim, ele aponta que o mercado está bem segmentado, especialmente para os consumidores com contas de energia acima dos R$400, que possuem retorno imediato.

Paralelamente, Castro, que também é sócio-administrador da A&G Solar Guido Alves Agrizzi, relatou que a conta de luz não é zerada, pois é necessário que os consumidores paguem a taxa mínima da concessionária. Basicamente, essa tarifa é um retorno pelos investimentos que as empresas estaduais fazem na rede.

Conta de energia reduzida: Como funciona a energia solar?

Embora o uso da energia solar tenha crescido no Brasil, algumas dúvidas ainda existem sobre o assunto. Mas, na prática, a energia solar funciona da seguinte maneira:

Para começar, as placas fotovoltaicas são instaladas no telhado das residências;

Quando a luz solar entra em contato com elas, é gerado a energia elétrica;

Entretanto, a corrente e tensão que saem da placa ainda não é adequado para o funcionamento dos aparelhos domésticos;

Sendo assim, através de um equipamento chamado inversor, essa energia é adequada ao uso residencial, pois gera a tensão 127v ou 220v.

Atualmente, temos 12.250 residências conectadas à EDP que usam a energia solar no Espírito Santo. Neste sentido, as casas conseguem reduzir a conta de energia em até 90% através da energia gerada pela radiação solar.

Vale a pena usar energia solar em prédios?

No caso de prédios, a maior recomendação é a instalação do sistema na cobertura para uso do condomínio. Basicamente, o sistema é usado para alimentar as áreas comuns do condomínio, como academia, motor de piscina, sauna, entre outros, o que faz com que o morador tenha uma redução na parcela da taxa de condomínio.

Entretanto, para a conta de energia reduzida dos apartamentos, o sistema ainda é considerado inviável. Para isso, teria que criar uma subdivisão muito grande do sistema, o que é um dos problemas para tornar essa opção viável.

Leia mais: Quem tem sistema de energia solar paga a conta de luz? É verdade ou é um mito?

Relacionados
Mais recentes