Início Escola Arquipélago em Fernando de Noronha receberá 100% de energia renovável

Escola Arquipélago em Fernando de Noronha receberá 100% de energia renovável

fevereiro 23, 2022 às 12:12 am
Compartilhe
Siga-nos no Google News
A Escola Arquipélago, localizada em Fernando de Noronha, agora conta com um projeto de energia renovável que visa tornar 100% da sua produção proveniente de energia solar para trazer mais sustentabilidade ao local
A Escola Arquipélago, localizada em Fernando de Noronha, agora conta com um projeto de energia renovável que visa tornar 100% da sua produção proveniente de energia solar para trazer mais sustentabilidade ao local. Fonte: Divulgação

A Escola Arquipélago, localizada em Fernando de Noronha, agora conta com um projeto de energia renovável que visa tornar 100% da sua produção proveniente de energia solar para trazer mais sustentabilidade ao local

Nessa última sexta-feira, (18/02), representantes da administração da ilha de Fernando de Noronha e do Projeto Casa Neuronha se juntaram para anunciar o novo projeto de energia renovável da ilha, voltado para a Escola Arquipélago. Assim, o edifício contará com placas de energia solar que farão 100% da produção desse recurso a partir de um sistema totalmente ligado à sustentabilidade e ao compromisso com o meio ambiente.

Leia também:

Com uma estratégia mais ecológica, Escola em Fernando de Noronha ganha projeto de energia renovável. Fonte: Karol Vieira
Com uma estratégia mais ecológica, Escola em Fernando de Noronha ganha projeto de energia renovável. Fonte: Karol Vieira

Projeto de energia renovável irá levar placas de energia solar que irão abastecer 100% da Escola Arquipélago em Fernando de Noronha

Esta última sexta-feira foi marcada por um evento envolvendo a Administração da Ilha, Projeto Casa Neuronha e a iniciativa privada para a anunciação de um novo projeto de energia renovável em Fernando de Noronha. Com isso, a Escola Arquipélago será a beneficiada com a iniciativa e irá receber todo um sistema de placas de energia solar que irão abastecer 100% do consumo do edifício, visando atrair novos investimentos para a sustentabilidade dentro da ilha. 

Assim, o projeto prevê a instalação de 170 painéis para captação de energia solar, orçados em R$ 600 mil, e, durante a cerimônia de apresentação da iniciativa, foi exposta uma placa solar com todas as informações da iniciativa escritas. Além disso, o sistema contará com uma estrutura que servirá de telhado para o prédio de um centro esportivo para prática de artes marciais, contendo vestiário e salas de reunião. Todos esses recursos foram captados pela iniciativa do Projeto Casa Neuronha, que visa trazer novos olhares para a produção de energia renovável dentro da ilha. 

O Projeto Casa Neuronha vem, há cerca de 6 anos, reunindo celebridades e artistas que passam por Fernando de Noronha para trazer o olhar deles para a sustentabilidade na ilha e a importância dessas iniciativas. Com isso, o órgão conseguiu uma série de patrocínios e auxílio desses famosos e a cerimônia contou com a participação dos atores Felipe Roque, Francisco Vitti , Isabella Santoni e a surfista Silvana Lima, entre outros convidados. A ilha agora avança cada vez mais em busca de um futuro mais renovável e limpo na região, com o apoio do governo local e de entidades não governamentais. 

Projeto da Casa Neuronha e da administração da ilha é comemorado pelos representantes locais e trará benefícios aos moradores locais 

O projeto de energia renovável para a instalação do sistema de energia solar na Escola Arquipélago vem sendo um grande sucesso na ilha, uma vez que essa foi a maior arrecadação desde a criação do Projeto Casa Neuronha, segundo os próprios administradores do órgão. Além disso, essa é mais uma iniciativa do projeto de sustentabilidade da ilha que visa reduzir a 0 a emissão de gases poluentes como o dióxido de carbono até o ano de 2030. 

Dessa forma, o idealizador do projeto Casa Neuronha, Rildo Iaponã, afirmou que “É a maior captação de recursos para entregar à ilha. A ideia é ajudar Fernando de Noronha como um todo. Deixar um equipamento público 100% sustentável é importante, porque dá exemplo para as grandes pousadas se tornarem também sustentáveis na produção de energia”. Já o administrador da ilha, Guilherme Rocha, destacou que “Nosso objetivo é fazer o passo a passo até que Fernando de Noronha tenha 100% de energia sustentável. A ideia é que todos os prédios públicos tenham energia solar no prazo máximo de dois”.

Com esse projeto, a Escola Arquipélago avança agora para um futuro com mais sustentabilidade e continuará apoiando os mais de 450 alunos que estudam ali, mas agora com uma fonte totalmente renovável de energia.

Relacionados
Mais recentes