Tuesday, 21 de September de 2021

Nova usina de energia solar será construída em Minas Gerais. Com as obras, 600 novos postos de trabalho serão criados

Usina – energia solar – Minas Gerais

A Mercury Renew fechou contrato com a Rima Industrial para a construção de uma nova usina de energia solar em Paracatu, Minas Gerais

A Rima Industrial, líder na produção e comercialização de ligas à base de silício e magnésio no Brasil, assinou com a Mercury Renew para o fornecimento de eletricidade, através de uma nova usina de energia solar. O empreendimento será construído na cidade de Paracatu, no estado de Minas Gerais e terá capacidade de 270 Mwp. No período de construção, estima-se que o projeto deverá gerar cerca de 600 empregos diretos na região. Veja ainda esta notícia: AXS Energia irá investir R$ 1 bilhão em 60 usinas de energia solar fotovoltaica, em Minas Gerais

O fornecimento de eletricidade através da nova usina de energia solar, em Minas Gerais

A RIMA Industrial vai abastecer suas operações com a energia limpa de São João Paracatu (270 MWp), a usina de energia solar fotovoltaica da Mercury Renew, localizada em Minas Gerais e que reforça a presença no Sudeste do país, região com grande concentração de empresas que buscam alternativas renováveis de geração energética.

Com o acordo do fornecimento de eletricidade através da nova usina de energia solar fotovoltaica que será construída no estado de Minas Gerais, torna a RIMA Industrial autoprodutora de energia limpa, e a Mercury Renew vai contribuir para que a empresa chegue mais perto de suas metas de redução de emissões de CO₂ na atmosfera.

Investimentos e geração de empregos, no estado de Minas Gerais

A nova usina de energia solar fotovoltaica, no estado de Minas Gerais tem a previsão de início de operação comercial em janeiro de 2024. No período de construção, estima-se que o projeto deverá gerar cerca de 600 empregos diretos na região. O valor dos investimentos na usina solar, bem como o prazo de duração do contrato, não foram divulgados. A intermediação entre a Mercury Renew e a Rima Industrial ficou a cargo da comercializadora CMU Energia.

Já a implantação do empreendimento mineiro é fruto de uma parceria da Mercury Renew com a Solatio Energia, que desenvolve projetos solares em países da América Latina. As companhias possuem um contrato de exclusividade — todos os projetos desenvolvidos pela Solatio no Brasil serão incorporados ao portfólio da Mercury Renew.

Veja ainda esta notícia: Com investimento de R$ 4,5 milhões, nova usina de energia solar será construída no Rio Grande do Sul

A Mercur, indústria que atua na área da saúde e educação, vai construir em Santa Cruz do Sul, no estado do Rio Grande do Sul, uma usina de energia solar fotovoltaica. O investimento no empreendimento será de R$ 4,5 milhões e a primeira fase do projeto vai gerar 1,18MWp por meio de 2652 painéis fotovoltaicos, o que, segundo os técnicos da empresa, será capaz de suprir cerca de 50% do seu uso de energia.

Com investimentos de cerca de R$ 4,5 milhões, na primeira fase do projeto da usina de energia solar no estado do Rio Grande do Sul, serão instalados 1,18 MWp. Nesta etapa, serão utilizados 2652 painéis fotovoltaicos. A expectativa é que a planta atenda aproximadamente 50% da demanda de energia da companhia e entre em operação em fevereiro de 2022. A capacidade de geração de energia da usina poderá ser ampliada futuramente, alcançando 2,4 MWp.

Paulo Boufleur, responsável pelo projeto, diz que com a construção dessa usina, estão dando mais um passo para reduzir os impactos humanos socioambientais das atividades, além de contribuírem para os objetivos do desenvolvimento sustentável da Organização das Nações Unidas sobre energia acessível e limpa.

Roberta Santiago
Engenheira de Petróleo, pós-graduanda em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos